segunda-feira, 27 de junho de 2011

2049 - Gilberto Queiroz


Esse foi feito sábado agora, durante uma festa junina da rua em que moro e que teve como quartel general, a garagem de casa. Montaram esse fogão improvisado para cozinhar milho, canjica, etc... Rapaz, como uma fogueira grande no meio da rua atrai gente! Apesar de não estar muito frio (o que seria ideal) e de também estar com uma gripe razoável, curti bastante. Me lembrei da "sopa de pedra", ao ver que cada vizinho, pra participar, trazia um prato de delícias (Bolos, tortas, cuzcuz, sanduiches, etc...) . As pessoas deveriam fazer isso mais vezes. E o curioso, não havia som. Longe de estragar, deixou o pessoal mais falante e conversador.

6 comentários:

Cy Calfat disse...

Belíssimo desenho, Gilberto!

Fabiana Alves disse...

muito singelo! gostaria que vc olhasse o último trabalho a óleo no meu blog! Opine! abraço,
www.extremamentetenue.blogspot.com

J. DAVID LEE disse...

Legal. Assim que diminuir um pouco a correria de final de Semestre, pretendo postar desenhos novos. Abração, Gilberto.

www.jdavidlee.wordpress.com

Lúcia disse...

Gostei demais, principalmente do brilho dos panelões. Um Show! Estou 100% com vc, há muito som e barulho por aí. Precisamos conversar mais, mas o "som" ambiente, em todo e qq lugar, nem sempre permite.
Abraços.

Gilberto Queiroz disse...

Obrigado, pessoal. Vamos agitar esse blog. Abração,

Carol disse...

E sabe que nem precisava contar o contexto? O desenho, curiosamente, passa alegria mesmo. Seu traço tem muita expressão.